terça-feira, 18 de dezembro de 2018

AS ROMA NO CAMINHO DO FC PORTO, GALATASARAY NO DO BENFICA E VILLARREAL NO DO SPORTING


Já são conhecidos os adversários das equipas portuguesas nas competições europeias. O FC Porto irá defrontar a AS Roma nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões. Na Liga Europa, os oponentes saídos em sorte para enfrentarem Benfica e Sporting foram, respectivamente o Galatasaray e o Villarreal. De um modo geral, ninguém se pode queixar do sorteio, sendo que nos três casos, há boas possibilidades de seguir em frente.

Tendo em conta os possíveis adversários, o FC Porto acabou por ser feliz. Claro que a Roma é uma equipa de respeito e tem qualidade para passar a eliminatória. Mas se compararmos os romanos com o Liverpool, o Atlético Madrid ou o Tottenham por exemplo, foi um adversário simpático, embora houvesse outros como Manchester United e Lyon que abriam também boas perspectivas de apuramento.

A Roma, orientada por Eusebio di Francesco, é uma equipa recheada de bons valores individuais. Colectivamente, atravessa um período de muito menor fulgor em relação à equipa que eliminou o Barcelona da Champions na temporada passada. Mas a nível de individualidades é muito bem composta, com destaque para o goleador Dzeko, o criativo Pastore e o veterano De Rossi, mas também para outros nomes como Florenzi, Justin Kluivert, Patrik Schick, Perotti, El Shaarawy, Manolas, Cristante ou Kolarov.

O Benfica encontrará o Galatasaray, que ainda recentemente mediu forças com o FC Porto na Champions (duas vitórias portistas). É uma equipa que não atravessa de todo um bom momento. Treinada pelo experiente Fatih Terim, é sobretudo muito forte em casa, impulsionada pelos seus adeptos, mas algo débil a jogar fora e com um défice grande de talento. O guarda-redes Muslera, o central Maicon, o lateral Nagatomo, o médio defensivo Fernando, os médios Belhanda e Feghouli e o avançado Derdiyok são as unidades habitualmente mais em evidência.

Relativamente ao Sporting, em estado de graça desde a chegada de Marcel Keizer, tem duelo marcado com os espanhóis do Villarreal, comandados por Luis Garcia, que sucedeu recentemente o anterior técnico Javir Calleja, despedido pelos maus resultados (apenas 17o em La Liga). Carlos Bacca e Santi Cazorla são as figuras incontestadas do 'Submarino Amarelo', longe dos bons velhos tempos. Miguel Layún, Funes Mori, Manu Trigueros e Bruno Soriano são outros jogadores a ter em conta.

Em suma, referir que FC Porto, Benfica e Sporting vão precisar de estar ao melhor nível para se manterem nas respectivas competições uefeiras, mas têm qualidade mais que suficiente, todos eles, de serem bem sucedidos.
Ler Mais 📰


Partilha :

FANTÁSTICA JORNADA DE CHAMPIONS LEAGUE


O sorteio dos oitavos-de-final da Champions League realizado hoje ditou jogos que se prevêm fantásticos! Um prazer para quem gosta de desfrutar de grandes embates entre grandes equipas, do jogo pelo jogo, do futebol de alta qualidade. Para o futebol português o duelo entre FC Porto e AS Roma é aquele que encerra maior dose de importância. No entanto, se pensarmos na globalidade, há sem dúvida desafios muito, mas muito mais interessantes. O Liverpool x Bayern Munique é talvez o prato forte da jornada, com o duelo individual soberbo entre Mo Salah e Lewandowski, além do resto das vedetas presentes no relvado. Liverpool assume algum favoritismo. O Atlético Madrid x Juventus também promete ser uma eliminatória muito discutida entre duas equipas com ideias de jogo até certo ponto similares, onde o pragmatismo e o desejo pela solidez defensiva estão sempre presentes. A apimentar, o regresso de Cristiano Ronaldo a Espanha para voltar a encontrar uma das suas principais presas a nível de golos. Depois, temos o insípido Manchester United de Mourinho contra o entusiasmante Paris SG de Thomas Tuchel, Neymar, Mbappé, Cavani e Verratti. No Schalke 04 x Manchester City, favoritismo completo para o City de Guardiola. No Lyon x Barcelona, certamente que Messi e companhia não facilitarão. Real Madrid, apesar de continuar num momento periclitante, intercalando boas vitórias com derrotas surpreendentes, é favorito diante do Ajax. E por fim, um imprevisível e apaixonante Tottenham x Borussia Dortmund, onde o futebol atacante e esteticamente sedutor de ambas as equipas, promete ser um grande e belo espectáculo, com o condimento adicional da presença de um Raphael Guerreiro em grande forma na equipa alemã.

Quais são os teus prognósticos e expectativas para estas 8 grandes eliminatórias na melhor competição de clubes do mundo? E qual é o teu favorito para ganhar esta Liga dos Campeões 2018-19?
Ler Mais 📰


Partilha :

segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Matthijs de Ligt vence Golden Boy 2018


Matthijs de Ligt foi distinguido com o prémio Golden Boy 2018, sucedendo a Kylian Mbappé como a promessa mais valiosa do futebol mundial.  O central do Ajax, já apontado a uma transferência para Barcelona, foi anunciado pelo jornal Tuttosport, o responsável pela entrega do prémio, como o grande vencedor.  Justin Kluivert, extremo da Roma, foi o segundo mais votado, enquanto que Alexander Arnold, lateral do Liverpool, fechou o pódio. Gedson, com o sétimo posto, é o único português no top-10.

A vitória de De Ligt é plenamente justificada. Com apenas 19 anos, é já capitão do Ajax e titular da selecção da Holanda, sendo um dos centrais mais promissores da actualidade. A sua maturidade chega a impressionar para tão tenra idade. Tem uma qualidade técnica muito acima da média, sendo óptimo a construir desde trás e a fazer a bola chegar aos companheiros mais adiantados em boas condições.

Gedson ficou pelo sétimo posto. Também facilmente se compreende, pois é um médio de enorme potencial, com uma capacidade de transporte e condução muito consideráveis. Podia até ter ficado numa posição mais acima, embora os concorrentes fossem de peso.
Ler Mais 📰


Partilha :

Os numeros de Marcel Keizer no Sporting



- 6 Jogos;
- 6 Vitórias;
- 25 golos marcados;
- 6 golos sofridos;
- Média de 4.16 golos marcados por jogo;
- Média de 1 golo sofrido por jogo.
Ler Mais 📰


Partilha :

Highlights | Resumo: Marítimo 0-1 Benfica (Liga 18/19)


 Um golo de Jonas a fechar a primeira parte garantiu ao SL Benfica o triunfo no terreno do Maritimo da Madeira, em jogo a contar para a 13.ª jornada da Liga NOS.
Ler Mais 📰


Partilha :

Highlights | Resumo: Sporting 5-2 Nacional (Liga 18/19)


 Noite de emoções em Alvalade! O Nacional esteve a vencer por 2-0, mas o Sporting reagiu e venceu por 5-2 com Bas Dost e Bruno Fernandes a bisarem na partida que encerrou a 13.ª jornada
Ler Mais 📰


Partilha :

LIVERPOOL DÁ MÚSICA AO MAN.UTD E ISOLA-SE NA LIDERANÇA DA PREMIER LEAGUE


Está bonita a luta pelo título da Premier League nesta época, nesta altura com Liverpool e Manchester City como os dois grandes favoritos a alcançá-lo. Apenas dois pontos separam estes dois colossos ingleses, sendo que o Liverpool de Jurgen Klopp segue na liderança, à frente do City de Pep Guardiola. Tottenham, Chelsea e Arsenal seguem mais atrás, não sendo crível que consigam importunar o duo da frente.

O City é o melhor ataque com 48 golos marcados (37 do Liverpool), ao passo que o Liverpool detém a melhor defesa com somente 7 golos sofridos (10 do City), sendo também a única equipa sem derrotas até ao momento. O City é uma equipa mais adulta, mais inteligente colectivamente, que gosta de ter o controlo das operações em tudo o que o jogo envolve. Já o Liverpool é uma equipa mais rápida e frenética, que está sempre na 'red line'. Se tivesse que apostar no futuro campeão, escolheria o City sem pestanejar, mas reconhecendo a grande capacidade deste Liverpool.

Isso mesmo ficou bem patente hoje na vitória dos 'reds' sobre o cada vez mais atrasado Manchester United, de José Mourinho (está já a 19 pontos do primeiro lugar). Num jogo de sentido único, em que Mourinho mostrou uma vez mais o seu conservadorismo e até uma certa cobardia, além de a nível de ideia de jogo estar já totalmente ultrapassado, o que aconteceu foi um autêntico amasso do Liverpool ao United. Superioridade incrível dos homens de Klopp (36-6 em remates, 65-35 em % posse de bola), que ganharam por 2 de diferença, mas podia ter sido por 3, 4 ou 5. Mais uma triste figura da equipa orientada por Mourinho, que mais uma vez deixou Pogba sentado no banco durante os 90 minutos, tendo, pelo contrário, apostado na titularidade do jovem português Diogo Dalot. Xerdan Shaqiri, com dois golos apontados e uma exibição de sonho, foi a grande figura do encontro.

Ler Mais 📰


Partilha :